• Lucas Lima

A incrível história de como Elza Soares usou a música para lutar contra a fome

Atualizado: 17 de nov.


Cantora tinha apenas 13 anos quando apresentou-se pela primeira vez em uma rádio


Uma das maiores vozes de todos os tempos, Elza Soares deu duro até alcançar reconhecimento, seja dentro de sua própria família ou mesmo no mercado da música. Digna de clássicos como “A Carne” e “A Mulher do Fim Do Mundo”, e eleita como “a voz do milênio” pela BBC, Elza começou desde cedo.


Elza Soares tinha apenas 13 anos quando apresentou-se pela primeira vez em uma rádio. A estação, no caso, era a Rádio Tupi, onde o famoso e célebre sambista (e muito mais do que isso) Ary Barroso tinha um programa. O próprio a recebeu. Mal sabia ele que o objetivo de Elza Soares naquele dia era o de levar comida para casa.


A cantora, que era filha de uma lavadeira e de um operário, foi obrigada a se casar quando tinha 12 anos de idade. Aos 13, já era mãe. Quando apareceu na Rádio Tupi, magra, com roupas remendadas e sandálias emprestadas, Ary Barroso se espantou. Logo perguntou de onde aquela garota tinha vindo. “Do planeta fome”, respondeu Elza com rapidez.


A apresentação foi um sucesso. Ecoou da voz de Elza Soares os versos compostos por Paulo Marques e Aylce Chaves na canção “Lama”: “Se quiser fumar, eu fumo / se quiser beber, eu bebo”.


Após o verdadeiro show, Ary Barroso declamou: "Nesse exato momento, acaba de nascer uma estrela". No entanto, a família de Elza era totalmente contra a carreira musical, sendo assim, ela conseguiu se dedicar ao ofício somente oito anos depois, quando já tinha 21 anos de idade.


Celebre já a carreira dessa grande cantora brasileira na WePlay com o show “Beba-Me”. Lançado em 2007, o registro traz clássicos sambas que ficaram característicos na voz de Elza Soares.


Assista grátis por 30 dias!

7 visualizações