top of page
  • Foto do escritorLucas Lima

Sucesso na voz de Cássia Eller, "Malandragem" é uma homenagem à Ângela Rô Rô

Composta por Cazuza e Frejat, música foi pensada para a voz de Ângela, que recusou fazer a gravação

Ângela Rô Rô em foto de Alexandre Moreira
Foto: Alexandre Moreira

Foi durante um telefonema, no ano de 1988, que Cazuza falou sobre a vontade de escrever uma música para uma amiga, Ângela Rô Rô. Do outro lado da linha estava ninguém menos que o inseparável Roberto Frejat. Ambos eram fãs da cantora que, na época, preparava um disco de estúdio.


Qual melhor momento, se não esse, para presentear Ângela com uma canção? Frejat fez a música de bate pronto e Cazuza colocou toda a sua sensibilidade em uma letra que, digamos, ficou para a história. O nome da faixa: "Malandragem".


Ângela, que embora chamava atenção por suas excelentes performances musicais, vez ou outra aparecia na mídia ao ser retratada como uma pessoa agressiva. Cazuza desmistificou esse lado da artista e colocou toda a humanidade do mundo em uma imagem de uma garota sensível e inocente. Ainda assim, ao receber a faixa das mãos de Frejat e Cazuza, a cantora recusou gravar a canção. Segundo ela, o disco já estava fechado, não cabiam mais músicas.


O fato é que "Malandragem" ficou engavetada até 1994, quando Frejat resolveu presentear Cássia Eller com a canção. E que presente! A música, lançada inicialmente em um disco homônimo, ficou entre as mais tocadas por anos, sendo que todas as suas versões foram sucessos absolutos. Não é exagero dizer que "Malandragem" elevou o status de Cássia para uma atmosfera mais mainstream.


Na WePlay, primeira plataforma de streaming de shows brasileiros, você confere a música na voz de Cássia e também na voz de Ângela.


2.057 visualizações

Comentários


bottom of page